Av. Dom Manoel, 339 - Centro 
60060-091 Fortaleza/CE

(85) 3388-8708

FILIADO AO MNDH

© 2019 CDPDH

A Catedral Metropolitana de Fortaleza é um templo católico e monumento histórico, sede da Arquidiocese de Fortaleza

NASCEU EM 1982 NA ARQUIDIOCESE
DE FORTALEZA

O Centro de Defesa e Promoção dos Direitos Humanos da Arquidiocese de Fortaleza nasceu no ano de 1982 por decisão do Conselho de Pastoral da referida Arquidiocese, sendo pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, apartidária, de caráter pastoral, e foi constituído sob forma de associação. A sua criação insere-se no contexto do trabalho das Comunidades Eclesiais de Base, que animadas pelo Arcebispo de Fortaleza D. Aloísio Lorscheider lutavam pelos direitos dos mais pobres e excluídos, sobretudo por moradia.

Nesse contexto, a Igreja de Fortaleza criou uma instituição que colaborasse juridicamente e organizacionalmente na luta dos grupos mais vulneráveis e oprimidos tanto em seus direitos individuais como nos direitos coletivos. 

A instituição tem experiência na proteção e promoção  de lideranças ameaçadas por sua militância na difusão dos direitos humanos de comunidades indígenas, quilombolas e tradicionais. Além disso, realiza atendimento jurídico e institucional de públicos e populações em situação de vulnerabilidade, social e econômica, realizando encaminhamentos a instituições públicas e privadas parceiras, tais como o Ministério Público Federal e Estadual, Defensoria Pública da União e Estadual e Redes de Proteção.

SUSTENTABILIDADE

Para fortalecer a nossa atuação e continuar na missão de promotores da vida em abundância, o CDPDH também conta com a solidariedade e o engajamento de pessoas físicas e jurídicas que anseiam por um mundo mais justo e solidário. Você que se identifica com essa luta iniciada por Dom Aloísio Lorscheider e assumida como um braço da caridade e da misericórdia da Igreja de Fortaleza pode colaborar através da doação de qualquer valor na seguinte conta bancária:

Banco

Agência

C/C

Bradesco

0452-9

209.124-0

MISSÃO

Contribuir para a Promoção dos Direitos Humanos, em especial o direito à Terra e Moradia da população de baixa renda de Fortaleza e sua região metropolitana, tendo em vista a construção de uma sociedade justa e solidária. 

INSTRUMENTO DE LUTA POR DIREITOS E CIDADANIA

Em sua história, o CDPDH tem se mostrado um grande aliado das comunidades indígenas na efetivação e na busca de seus direitos. Atuando na educação jurídica popular através da formação das comunidades na conscientização de seus direitos, na proposição de políticas públicas e no apoio jurídico.

Durante os seus mais de 35 anos de existência, o CDPDH revelou-se uma referência na luta pelos Direitos Humanos no Ceará, sendo parte de diversos Conselhos Públicos e estando a frente de grandes debates e discussões das políticas de Direitos Humanos a nível local e nacional.

LINHA DE ATUAÇÃO

TERRA E MORADIA

Assessoria às famílias de áreas de risco de Fortaleza, a exemplo de ocupações desordenadas em espaços impróprios para a habitação, com o objetivo de assumir a defesa dos grupos comunitários oprimidos e injustiçados, atendendo aos problemas de Terra e Moradia em colaboração com outras instituições.

INDIGENISTA

Acompanhamento e assessoria jurídica e organizacional aos povos indígenas da Região Metropolitana de Fortaleza e articulação junto aos Povos Indígenas do Estado do Ceará, visando à preservação do seu direito à terra, a viver dignamente, e despertar a sociedade para a identidade indígena afastando o preconceito e a discriminação.

 

PROMOÇÃO, PROTEÇÃO E DEFESA DOS DIREITOS HUMANOS

Atuação histórica na defesa dos Direitos Humanos, desenvolvendo trabalhos que colaboram na proteção dos defensores dos Direitos Humanos, dando apoio institucional e jurídico a lideranças ameaçadas e criminalizadas.  A história da instituição resulta de uma opção da igreja de Fortaleza pelos pobres e excluídos.